JULIA E JuMP: NOVAS FERRAMENTAS PARA PROGRAMAÇÃO MATEMÁTICA

  • Pedro Belin Castellucci Universidade de São Paulo

Resumo

Existem diversas linguagens de programação para aplicações gerais ou científicas. No entanto, particularmente em aplicações científicas, é comum se encontrar linguagens adequadas para certas tarefas (desenvolvimento de algoritmos, por exemplo) e inadequadas para outras (geração de gráficos para visualização de resultados). Julia foi criada como uma alternativa que combinasse as vantagens de diversas linguagens. Neste tutorial, Julia é apresentada como uma opção para o desenvolvimento de soluções no contexto de Programação Matemática, com foco em Programação Linear Inteira Mista, juntamente com seu pacote JuMP. O pacote JuMP fornece uma linguagem de modelagem independente do software de otimização utilizado, inclusive permitindo a implementação de callbacks. Aqui, são apresentados guias de instalação e desenvolvimento, além de exemplos com funções usualmente utilizadas e callbacks.

Publicado
22-08-2017
Como Citar
CASTELLUCCI, Pedro Belin. JULIA E JuMP: NOVAS FERRAMENTAS PARA PROGRAMAÇÃO MATEMÁTICA. Pesquisa Operacional para o Desenvolvimento, [S.l.], v. 9, n. 2, p. 48-61, ago. 2017. ISSN 1984-3534. Disponível em: <http://www.podesenvolvimento.org.br/inicio/index.php?journal=podesenvolvimento&page=article&op=view&path%5B%5D=536>. Acesso em: 22 nov. 2017. doi: https://doi.org/10.4322/PODes.2017.005.
Seção
Tutoriais